#9, 7 de abril

by

  • #9

    Antes de mais nada: essa semana tem concertos! Temos o prazer de receber, em São Paulo e Campinas, o duo sueco Sidén-Hedman:

    Os três concertos terão repertórios diferentes:
    SÁBADO: haverá a instalação Double Bind, além de obras para piano e eletrônica, na CPFL Cultura em Campinas, às 20h.
    DOMINGO: obras para piano e eletrônica, na USP, às 16h
    SEGUNDA: obras acusmáticas em surround 5.1, na SP Escola de Teatro, às 20h30

    Todas os concertos são gratuitos e lindos!

    Além disso, a edição de hoje da linda está igualmente linda! Anunciamos, inclusive, um novo-velho colunista: o Bruno Fabbrini assumiu uma cadeira dentre o rol dos colunistas regulares e estará conosco quinzenalmente. Já a coluna da Natália Keri traz um texto escrito a partir da música da Alessa, essa sim participando pela primeira vez do NME.

    Para além, temos diversas continuidades nos textos de hoje: o Daniel Gorte-Dalmoro continua sua investigação sobre o compor música eletroacústica, e o Ivan Chiarelli segue com seus questionamentos sobre o gosto e o sentir, e a Nicole Patrício foi além do seu texto anterior e chamou sua prima para ouvir e comentar a música dos Chinese Cookie Poets e do Cadu Tenório.

    Por fim, todos os textos são lindos e merecem uma olhada!

    Desejamos a todos uma excelente leitura.

     

     

    TIAGO DE MELLO: Caminhando e cortando fita
    Voltando a ideia de “Cultura de baixo-rendimento”, fica clara a incapacidade intelectual dos militares no Brasil, sobretudo em atuar nesse campo.

    BRUNO FABBRINI: Luta e Lu†o (Escuta)
    Já de volta ao lar, noite, tampouco consigo o desejado silêncio.

    NICOLE PATRÍCIO: “Stop The Experimental Music”: A Experiência
    chamei minha serelepe prima Letícia Ferreira, de 7 anos.

    DANIEL GORTE-DALMORO: O complexo por trás do simples
    A simplicidade não raro é um engodo: ela pode trazer oculta grande complexidade. 

    RODRIGO FAUSTINI: Música de laboratório
    Talvez alguns dos subprodutos mais curiosos do New Age sejam os álbuns ‘oficiais’ lançados com o nome da NASA

    IVAN CHIARELLI: falta de empatia?
    Presenciei a inibição no falar, seguida de um tímido (ou tímido-espalhafatoso, como diria Caetano Veloso) “te mando por mensagem”.

    NATÁLIA KERI: As formigas
    Agora imagina se cada formiga quer andar andar para um lado diferente?

    SÉRGIO ABDALLA: interior inventado pelo exterior – o som editado
    a verdade do som editado é sua natureza inventada.

    LUIS FELIPE LABAKI: O sonzinho agradável do restaurante japonês
    esse sonzinho é a música ambiente, uma música criada para não ser percebida

     

     

    Próximas edições:

    linda*6, 14 de abril, com a Lilian Nakahodo
    linda#10, 21 de abril, com os colunistas regulares

     

     

     

    linda!

    Full Screen Popup Powered By : XYZScripts.com